quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

26 de Janeiro de 1931 – O Conselho dos Dezoito toma o Poder

- Você vai ser fuzilado. Aceita um café?

Na primeira das versões, depois disso o Conselho convidou o Presidente Washington Luís Pereira de Sousa para o fato anunciado - que ocorreu às 3:33 deste dia, em horário planejado segundo fórmulas de cabala.

Na segunda delas [mais misteriosa] o Presidente foi levado para uma fazenda de reeducação nas margens do rio Tocantins, vindo a morrer em idade avançada [após a lavagem cerebral] como um anônimo admirador do novo regime.

Ne terceira versão, importa pouco qual das duas primeiras é real – importa que algum dos golpistas disse

- Não gostamos daqui também. Tem cheiro de mar.

E os novos donos do Poder levaram a capital para o interior.

Entre as datas que disputam o título de Momento Inicial do Expansionismo Brasileiro este 26 de janeiro é uma favorita. Naquela madrugada Dezoito [dramaticamente] Encapuçados [secundados por algumas dúzias de outros] invadiram o Palácio Presidencial, sumiram [de alguma forma] com o Presidente da República e instalaram um regime cuja terceira marca mais importante era a disposição de arrancar pedaços de outros países.

A segunda era o horror pelo mar – instalaram a capital em Óbidos, no meio da Selva [o que não os impediu de criar uma marinha de guerra de submarinos de ataque].

A primeira era o mistério. Ninguém nunca viu [ao menos de maneira precisa] os Dezoito Golpistas que tomaram o poder. Um vidente na China [dizem] previu tempos sombrios – segundo alguns, com razão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário